Resenha: Paixão ao Entardecer


Livro: Paixão ao Entardecer - Os Hathaways - Livro 05
Autora: Lisa Kleypas
Páginas: 272
Editora: Arqueiro
Classificação: ♥ ♥ ♥ ♥ 
Sinopse: Mesmo sendo uma família nada tradicional, quase todos os irmãos Hathaways se casaram, até mesmo Leo, que era o mais avesso a essa ideia. Mas para a caçula Beatrix, parece não haver mais esperança. 
Dona de um espírito livre, apaixonada por animais e pela natureza, Beatrix se sente muito mais à vontade ao ar livre do que em salões de baile. E, embora já tenha frequentado as temporadas londrinas e até feito algum sucesso entre os rapazes, nunca foi seriamente cortejada, tampouco se encantou por nenhum deles. 
Mas tudo isso pode mudar quando ela se oferece para ajudar uma amiga. 
A superficial Prudence recebe uma carta de seu pretendente, o capitão Christopher Phelan, que está na frente de batalha. Mas parece que a guerra teve um forte efeito sobre ele, e seu espírito, antes muito vivaz, se tornou bastante denso e sombrio. 
Prudence não tem a menor intenção de responder, mas Beatrix acha que ele merece uma palavra de apoio – mesmo depois de tê-la chamado de estranha e dito que a jovem é mais adequada aos estábulos do que aos salões. Então começa a escrever para ele e assina com o nome da amiga. Beatrix só não imaginava o poder que as palavras trocadas teriam sobre eles. 
De volta como um aclamado herói de guerra, Phelan está determinado a se casar com a mulher que ama. Mas antes disso vai ter que descobrir quem ela é. 

***

 Despedindo-me dessa série maravilhosa, trago a resenha de Paixão ao Entardecer, que vai nos contar a história de amor de Beatrix, a irmã caçula dos irmãos Hathaways. Desde o primeiro livro, Desejo à meia-noite, já percebemos como essa menina é bem diferente das demais. Não que a família estivesse dentro dos padrões da sociedade do século XVIII, pelo contrário, eles eram motivo de comentários por terem mulheres casadas com ciganos, eram mulheres cheias de opiniões e um irmão mais velho que antes de casar, era um namorador e irresponsável. Beatrix por sua vez, sempre foi apaixonada por animais, a ponto de ter bichinhos de estimação fora do comum, como um furão por exemplo. Era mais fácil domesticar um animal raivoso a entender as regras da sociedade. Embora fosse engraçadinho ver uma criança envolta a animais, agora Beatrix é uma jovem com idade para casar e esse seu comportamento não é tão belo aos olhos dos rapazes. Quando via todos seus irmãos casados, com suas lindas famílias, Beatrix sentia um vazio inexplicável, como se faltasse algo que nem o animal mais dócil poderia suprir. E foi por causa de seu amor aos animais, especificamente por causa de um cachorro que tudo começou...

 Chistopher Phelan era de uma família próspera e bem relacionado por onde passava. Muito conhecido pelos seus casos amorosos e aventuras em jogos e bebidas, típico dos rapazes da época. Mas quando compra a patente de oficial do exército, ele é convocado e em meio a guerra, ele muda completamente. Buscando um ponto de refúgio em meio aquele caos, ele envia uma carta a Prudence, amiga de Beatrix, uma moça linda e superficial, que ele se encantou. Ela por usa vez, não se interessa a responder a chata carta falando sobre guerra e um tal cachorro que não larga mais Phelan e ataca qualquer um que se aproxima dele. Prudence comenta o fato com Beatrix e a curiosidade a domina, sentindo a necessidade de saber mais detalhes e poder ajudar o pobre animal. Quando ler a carta de Phelan, ela se vê não só com a vontade de ajudar o bichinho, mas também a responder ao tenente que compartilhara um pouco das cenas difíceis que tem vivido e que Prudence fez pouco caso. 



 O que era para ser apenas uma carta respondida, passa a ser várias e Beatrix se apaixona pelo tenente. É quando decide que não pode continuar com a farsa, enviando uma última carta para a Phelan e passa os seus próximos dias com o coração partido. Cristopher já debochou dela um dia, ele estava apaixonado por uma mulher que não era ela fisicamente e agora que ele se tornara um famoso combatente de guerra, Prudence estava interessada em ser cortejada por ele. Seria um ótimo arranjo de casamento e Beatrix a ajudou respondendo aquelas cartas. Será que Phelan enxergará aquela sensível e cheia de personalidade mulher que o escrevera em Prudence?

Não tinha a intenção de enviar cartas de amor, mas foi isso que elas se tornaram. No caminho até você, as palavras se transformaram nas batidas do meu coração gravadas em papel.
Volte, por favor, volte para casa e descubra quem sou.

 Mais uma vez fui surpreendida por Lisa Kleypas. Quando achava que as histórias interessantes da família Hathaways haviam encerrado com o Leo, em Manhã de Núpcias, vejo-me agarrada a cada página desse último livro e super envolvida com a personagem Beatrix. Lisa nos traz grandes descobertas do personagem central de casa livro, dando-nos uma nova história de amor  e ao mesmo tempo, contando um pouco mais sobre os outros irmãos. Ela fez com que cada um dos cinco irmãos me conquistassem com suas personalidades tão diferentes e marcantes. Beatrix não foi diferente, e com seus gostos peculiares, arrancou-me boas gargalhadas e me fez ter vontade de arrancar o pescocinho da irritante Prudence.

 O que mais me marcou foi acompanhar o amadurecimento de todos os integrantes da família Hathaway, mas Beatrix foi ainda mais especial porque pude ver ela criança, toda moleca, transformando-se em uma mulher apaixonada, escrevendo lindas cartas para seu amado. Fiquei muito surpresa com a emoção em suas palavras, não imagina Beatrix assim. Ah! Os diálogos dela com Pheban também foram hilários! Juntar uma jovem que vive seu maior tempo com animais e um cara que voltou da guerra totalmente desajeitado para se socializar, resultou em muita confusão, forte atração e em cenas de rir ainda mais.

 Paixão ao Entardecer é um livro com gostinho de despedida (Sninf!) e com o sentimento de missão muito bem cumprida por parte da Lisa Keypas. Foi através dessa série que conheci o trabalho dela e virei fã!

 Ah! Claro que eu tinha que falar sobre a capa, gente! Esse vestido verde está de arrasar, assim como todos os vestidos da série! Além da diagramação que está ótima, com tamanho ideal da fonte e páginas amareladas. 


 Sem dúvidas, é uma leitura que faz o leitor suspirar com momentos íntimos tão apaixonantes e escritos de forma tão romântica. Classificação máxima com toda a certeza!


Essa resenha faz parte do Desafio das Capas, cumprindo o pedindo n° 11 - Ler um livro que tenha imagem de alguma parte do corpo na capa. 




Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

12 comentários

Clique aqui para comentários
katia moura
admin
22/02/2015 14:42 ×

Gente Que livro , eu sei como é isso ,eu também sou a garota da família que sempre diz não ter vocação para casar .rsrs.
Pela sinopse deu para perceber que esse livro vai pegar fogo de tanto amor ,e principalmente depois das cartas rsrs.
Adorei Querida , a resenha esta bem planejada e dando muito bem para entender o que passa pelos personagens .<3

Bjiiinhos <3

http://garotinhaadolescentea.blogspot.com.br/

Responder
avatar
23/02/2015 02:34 ×

Oi Carol!
A capa desse livro é linda, mas confesso que não me chama muito atenção. O catálogo da Arqueiro em questão não me atrai muito. Ja vi otimas resenhas sobre a série da Kleypas, mas por se tratar de um romance historico, não me chama atenção. Se caso houver de começar, vou arriscar na Julia Quinn, a quem tanto falam, mas tambem não no momento.

Abraços
David Andrade
http://www.olimpicoliterario.com/

Responder
avatar
23/02/2015 16:57 ×

Meu Deus, será que todas as resenhas que lerei sobre esse livro irão me deixar com esse sentimento?! Parece que estou perdendo tempo e PRECISO correr para comprá-lo, hahaha. Adorei suas impressões, flor… Tenho certeza de que a Beatrix será uma personagem que também me encantará. Ainda não li nenhum livro da série e adoraria começar (fora de ordem) por esse, mas parece que preciso ler a sequência para conhecer um pouco de cada personagem – incluindo a Beatrix. :(((

Beijos!
http://www.myqueenside.blogspot.com

Responder
avatar
23/02/2015 19:04 ×

Ahh eu to doida para ler essa série... sua resenha me deixou muito mais curiosa... adorei mesmo.
Essa série parece ser linda e fofa!!!

beijos
http://livrosetalgroup.blogspot.com.br/

Responder
avatar
Gab Bastos
admin
23/02/2015 20:44 ×

Já vi algumas resenhas dessa série e olha, nunca vi algum comentário negativo. Isso com certeza instiga qualquer leitor e eu não sou diferente, a cada resenha a curiosidade só aumenta!!!
Mesmo sendo romance a série me atrai de uma forma incrível, não sei se são essas capas maravilhosas ou os comentários positivos, só sei que pretendo em breve hahahaha
Amei sua resenha!! Beijossss <3

Responder
avatar
Leitor Sagaz
admin
24/02/2015 10:09 ×

Oi flor!
To sempre querendo ler esse livro mas nunca tenho a chance. Agora depois de ler sua resenha acho que vou passar ele na frente de todos e começar logo.

Adoro romance, e essa capa o que falar dela?!!! Tão misteriosa, atraente me ganhou também pelo verde hehehe :P

Beijocas da Deebs!

Responder
avatar
Pah
admin
24/02/2015 12:47 ×

Eu ADORO essa série (esse não é meu favorito, mas é muito bom tb)
vc já leu as wallflowers? é da autora tb e se passa antes dessa série

bjos
Pah
Lendo e Escrevendo

Responder
avatar
24/02/2015 22:12 ×

Oii, tudo bem?
Eu vou admitir que não me dei muito bem com romances de epoca, eu li O Duque e eu e não gostei muito, pode até ser que eu dê uma outra chance ao gênero, mas só em um futuro.

www.fonte-da-leitura.blogspot.com.br

Responder
avatar
Dryh Meira
admin
24/02/2015 22:18 ×

Oiee ^^
Essa Lisa Kleypas é uma caixinha de surpresas que eu amo! Sou louca pelos livros dela, e mal vejo a hora de ver a Beatrix encontrar seu amor, minha personagem favorita ♥, mas ao mesmo tempo não quero que a série acabe, então estou enrolando *-*
MilkMilks
http://shakedepalavras.blogspot.com.br

Responder
avatar
01/03/2015 14:19 ×

Oie, tudo bom?
Eu não li a série ainda, mas tenho os três primeiros livros na estante. Amo romances históricos e sei que a autora tem uma escrita envolvente. Espero que esse ano eu consiga iniciar a série.
Beijos,
http://livrosyviagens.blogspot.com.br/

Responder
avatar
01/03/2015 16:24 ×

Oi Carol! Tudo bem?
Nossa meu Deus que resenha! OMG eu fico com uma puta vontade de ler esses romances de época da Arqueiro,sempre vejo falarem muito bem dessas obras!
Primeiramente: é muito bom ver que os autores conseguem nos surpreender a cada virada de página neh? Ainda mais em se tratando de série de livros,nossa é muito bom ver o desenvolvimento da escrita do autor e como ele consegue se despedir de suas obras com aquele gostinho de quero mais.
E por fim,parabéns pela sua resenha,ficou impecável Carol, você conseguiu persuadir o leitor com sua leveza e simplicidade na escrita de sua crítica!
Continue assim Blogueira o/
Beijos Pão de Queijo!

Responder
avatar
22/03/2015 14:28 ×

Olá!
Eu quero muito ler esse livro.
Tenho todos, menos esse. A capa é maravilhosa e a história parece ser melhor ainda.
Adorei a resenha.
Beijinhos!
http://eraumavezolivro.blogspot.com.br/

Responder
avatar

Querido leitor,

Seus comentários deixam o nosso cantinho ainda mais especial. Agradecemos muito a sua participação! Até o próximo post! ;)

Equipe do Citação
ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário