Semana Especial Jane Austen - Filmografia


Por favor me entendam, eu não sou louca de tentar lembrar todos os filmes para cinema, TV e internet que se baseiam nas obras ou na vida de Jane Austen! Não há ajuda de Mr. Google que dê conta! Esta é só uma tentativa de relembrar dos mais conhecidos, ou os meus preferidos se você preferir assim! rs

Mas se você sentir falta de algum, não deixe de mencionar nos comentários!

Pois bem, provavelmente só Shakespeare foi mais adaptado que ela. Temos tantas adaptações de suas obras e tantas referências a elas que chegaria a dar para fazer uma tese de mestrado, só falando sobre elas, como foram feitas, porque, seus roteiristas, elenco, produção. Então vamos esquecer as pequenas homenagens, como a que o personagem de Hugh Grant faz ao mandar Julia Roberts filmar um texto de qualidade como Jane Austen ou Henry James, em Um Lugar Chamado Nothing Hill. Ou o fato de Meg Ryan dizer que seu livro favorito é Orgulho e Preconceito, em Mensagem Para Você. Vamos só de coisa grande!

Listei algumas obras que vi na imagem abaixo, mas só vou poder falar de algumas delas, mas eu se fosse você não deixaria de assistir nenhuma!
Amplie a imagem para ver mais filmes do universo de Jane Austen

Ninguém produziu tantas adaptações da obra quanto a BBC de Londres, cada um dos livros tem várias, foi graças a uma delas que eu me interessei em ler Jane Austen, quando vi Orgulho e Preconceito de 1980. Mas a minha adaptação preferida é a de 1995, com Collin Firth no papel de Mr. Darcy.

Além das interpretações magníficas, fotografia, figurino, cenário, produção perfeitos, é a adaptação mais completa, reproduzindo com quase perfeita exatidão o livro! É genial! Ironia, graça e paixão no equilíbrio certo! Fora que, acho que nem a Jane duvidaria que Collin está o próprio Mr. Darcy!

 Mas se você é mais jovem, talvez você prefira algo mais romântico, como esta outra aqui!


Já que estamos falando de Pride and Prejudice (Orgulho e Preconceito), a versão hollywoodiana de 2005 é a mais conhecida! Ela trás um Mr. Darcy mais romântico e passional e uma Elinor mais autosuficiente, mas ainda assim é uma adaptação belíssima!


Os Diários de Bridget Jones não chegam a ser uma adaptação, a não ser pelo fato que Mark Darcy, é na verdade o Mr. Darcy moderno! A autora nega, mas dizem que Bridget é meio autobiográfico, tanto que quando a autora, Helen Fielding, se separou e passou a namorar um cara mais jovem, Bridget fez o mesmo! rs Mas, segundo ela, foi coincidência. O que temos certeza é que a autora é fã de Austen, fã da adaptação de 1995 (mencionada no livro), fã de Collin Firth e que nos brindou com um Darcy maravilhoso!


Clueless! Essa é uma adaptação de Emma, com certeza a mais fofa e engraçada, e mesmo sendo trazida para os nossos dias, é muito fiel ao texto. A mesma Emma desinteressada em casamento, porque considera que só a necessidade pode fazer uma mulher querer se submeter a vontade masculina, mas que ao mesmo tempo tenta unir todos os casais que lhe cercam, para ajudar as amigas de menor fortuna. Boa, gentil, caridosa, corajosa: Emma! Ou devo dizer Cher? E deve vir por aí Clueless 2!

Outra que eu amo é Persuasão de 1995, também da BBC, mas em formato de filme e não minissérie! Não vou negar que o Capitão Wentworth de 2007 é muito mais bonito, mas, apesar de ser mais simples, a produção de 1995 é muito mais cuidadosa com detalhes e com o texto, além de termos a interpretação de Ciarán Hinds.

Como não amar este filme? 5 mulheres e um jovem combinam de se encontrar 1 vez por semana para discutir as obras de Jane! Cada um pega um livro para apresentar e a partir daí, durante essas 6 semanas, enquanto debatem os livros, vão sendo influenciados por eles e também ajudados, ao mesmo tempo que nos mostram o quão atual é a autora. Tudo de uma forma sensível e apaixonante!


Esta comédia é uma declaração de amor a Jane Austen, nossa protagonista, Jane, é uma fã incondicional da escritora, que já leu seus romances diversas vezes e até decorou as falas (não vou nem falar que nessa parte me identifiquei), mas ela não consegue encontrar o verdadeiro amor, pois ninguém parece encaixar no papel do seu Mr. Darcy. Então ela decide pagar para participar de uma aventura em Austenland, um lugar onde as pessoas se vestem, falam e agem como os personagens dos livros. Ela escolhe o pacote básico, então atuará como plebeia na encenação, que é uma experiência de imersão! Mas quem diria que seu plano daria certo e ela realmente se apaixonaria, só que não do jeito que ela esperava! Este filme é difícil de achar para ver, mas vale muito a pena, simplesmente delicioso, engraçado, romântico e repleto de referências.


Sabe aquela velha fantasia que a gente tem de entrar dentro do livro? Pois é exatamente isso que acontece em Lost in Austen! Amanda, uma profunda fã de Pride and Prejudice (Orgulho e Preconceito), é surpreendida do banheiro de casa por nada menos que Elizabeth Bennet, que acaba de atravessar um portal mágico e sair do livro. As 2 acabam mudando de lugar e Amanda vai viver com a família Bennet no momento em que começaria a história do livro. Relutante em fazer as vezes de Lizzie, Amanda tenta preservar a história, mas interfere nela totalmente criando uma enorme confusão. Esta é uma minissérie da ITV em 4 episódios muito divertida, que faz a gente repensar os personagens e enxergá-los por uma nova ótica. Super recomendo!

Estes são só uns poucos filmes dos muitos que eu poderia falar, dos muitos que eu amo, se liguem nas opções disponíveis, façam a pipoca e divirtam-se!

Amanhã tem mais especial Jane Austen! Beijo!




Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Querido leitor,

Seus comentários deixam o nosso cantinho ainda mais especial. Agradecemos muito a sua participação! Até o próximo post! ;)

Equipe do Citação
ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário