House M.D.


Em 2012, chegou ao fim a melhor série médica que eu já vi! Me desculpem os milhares de fãs de Grey's Anatomy  e E.R., mas House era simplesmente imperdível. Claro, o estilo era bem diferente, enquanto as outras duas a vida no hospital é apenas o pano de fundo para os dramas pessoais dos personagens, seus amores, traições, conquistas, medos e sonhos, House se concentrava na investigação médica. Em House a vida pessoal é o pano de fundo, o hospital é o cenário, Dr. House o herói e as doenças o vilão!

Não existe antagonista, aquele que está ali cheio de inveja pronto para puxar o tapete do time do bem. Não existe sequer o time do bem em oposição ao time do mal. Há amores e paixões mal resolvidas, pessoas em conflito, mas tudo isso é detalhe! House é uma série médica com clima de série policial. A doença faz seu estrago como um criminoso, e a equipe médica se une para descobrir qual é e o que causou e assim poder vencê-la. House é um Sherlock! E a sua equipe também não está muito atrás!


A série se passa num hospital universitário, na cidade de Princeton (em de Nova Jersey, EUA). Nosso protagonista é um infectologista e nefrologista reconhecido por sua capacidade de fazer diagnósticos onde mais ninguém consegue e também por sua personalidade nada agradável. House é um cético, não confia em nada e nem em ninguém, trata os pacientes com frieza e sua equipe com sarcasmo. Totalmente anti-social!!! E não carrega qualquer culpa por isso!

Ninguém gosta dele, na verdade, todos gostariam de se livrar dele, mas todos também reconhecem sua enorme capacidade. A convivência com ele não é fácil para ninguém, e ele parece fazer questão disso a princípio, mas com o tempo suas emoções vão aflorando e um House que carrega uma enorme dor se torna ainda mais irresistível para o público.


Outra característica marcante é o seu descaso com as regras do hospital que levam sua chefe, a Drª. Lisa Cuddy (Lisa Edelstein), a loucura. Trazendo algumas cenas cômicas e leves a série numa relação de amor e ódio que com o passar das temporadas foi ganhando mais dramaticidade, sem nunca perder seus altos e baixos. Apesar do comportamento dele em relação as regras não melhorar em momento nenhum, House encontra outras vítimas para infernizar além de sua chefe. Uma de suas vítimas favoritas é seu único amigo! Um santo com paciência inesgotável, o Dr. James Wilson (Robert Sean Leonard), o chefe do departamento de Oncologia.

Durante as três primeiras temporadas, a equipe de House consiste no Dr. Robert Chase (Jesse Spencer), Drª. Alisson Cameron (Jennifer Morrison) e Dr. Eric Foreman (Omar Epps). Mas para quarta temporada Chase e Cameron são cortados e House seleciona três novos médicos: Drª Remy "Treze" Hadley (Olivia Wilde), Dr. Chris Taub (Peter Jacobson) e Dr. Lawrence Kutner (Kal Penn). Contudo Chase e Cameron continuam aparecendo em diversos episódios no hospital até a 6ª Temporada quando Chase decide retornar à equipe. Na verdade, a Cameron só sai de vez da série quando começa a gravar Once Upon a Time!


Na 7ª temporada nova mudança, Treze se afasta e seu espaço é preenchido pela estudante de medicina Martha M. Masters (Amber Tamblyn). E na 8ª, Cuddy é quem deixa o hospital dando espaço para Foreman se tornar o novo chefe, enquanto House prepara uma nova equipe!

Foram ao todo 8 temporadas de muito sucesso. House esteve entre as 10 melhores séries dos Estados Unidos de sua 2ª à sua 4ª Temporada e ganhou inúmeros prêmios, levando o então pouco reconhecido ator britânico Hugh Lauren ao estrelato.

As temporadas finais não foram tão interessantes quanto as iniciais, oscila muito de episódia para episódio, a carga dramática ficou mais pesada do que devia, mas eu amei o final e me deu uma dor no peito de saber que iria ter de viver sem House na minha vida. Então se você está procurando uma séri para maratonar, esta é uma das que valem a pena!

Beijos e até semana que vem!!!




Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Querido leitor,

Seus comentários deixam o nosso cantinho ainda mais especial. Agradecemos muito a sua participação! Até o próximo post! ;)

Equipe do Citação
ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário