Frontier



Oi pessoal vamos voltar a falar de algumas séries novas que a Netflix disponibilizou para a gente este ano. Frontier é uma série baseada no filme vencedor de 3 Oscars , O Regresso, que deu a estatueta a  Leonardo DiCaprio. Encomendada pela Discovery e distribuída nos EUA e no Brasil pela Netflix, ela aprofunda o que vimos no filme sobre o complicado e violento comércio de peles nos EUA durante o século XVIII.



São 6 episódios de cerca de 45 min, então é rapidinho de assistir, apesar de o ritmo ser meio lentinho. Tem ótimas cenas de ação e é um trabalho impecável em qualidade e pesquisa histórica. Assim como o filme, traz belíssimas paisagens do Canadá, onde foi produzida. No papel principal, nada mais, nada menos que “Meu Sol e Estrelas”, Jason Momoa , o Khal Drogo de Game of Thrones,  que em breve também será visto como Aquaman no cinema. Em Frontier, ele é Declan Harp, um comerciante que faz oposição no comércio de peles ao representante da coroa britânica na região, que é o cara mal da história (say no to the colonizer).



Além de Declan, temos no centro da história, Michael Smyth, o gatérrimo Landon Liboiron, ator e cantor canadense, que já fez séries como Degrassi: The Next Generation, Hemlock Grove e Terra Nova. Ele faz um órfão irlandês que segue para a América, sem querer, em um navio. Só que esse navio pertence ao nosso vilão: Lord Benton (Alun Armstrong), que ao chegar na América, alicia Smyth para encontrar Declan, e assim acabar com seu crescimento no comércio de peles.



E elenco conta também com Allan Hawco (Republic of Doyle), Christian McKay (de Florence - Quem é Essa Mulher?), Zoey Boyle (Sons of Anarchy), e outros.

Ainda não se sabe se terá uma segunda temporada, mas vale a pena conferir a primeira na Netflix.

Beijo e até semana que vem!


Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Querido leitor,

Seus comentários deixam o nosso cantinho ainda mais especial. Agradecemos muito a sua participação! Até o próximo post! ;)

Equipe do Citação
ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário