Santa Clarita Diet



Santa Clarita Diet mal chegou a Netflix e já gerou polêmica, não é para menos, se você não tem estômago forte, não vai aguentar nem 15 min da série, mas se você sobreviver, pode até gostar! O elenco é ótimo! Traz Drew Barrymore e Timothy Olyphant como protagonistas e ainda a talentosa Liv Hewson no papel de filha do casal.

Quanto a trama, temos uma comédia sobre zumbis, bem na verdade uma zumbi, Sheila (Barrymore) e sua família, seu marido Joel (Olyphant) e  sua filha Abby (Liv Hewson). Sheila era uma mulher normal que trabalhava com o marido numa corretora de imóveis, na pacata Santa Clarita, cidade do subúrbio de Los Angeles. Até que um dia Sheila começa a passar mal, vomita tudo, e quando digo tudo, é tudo! Se preparem para aquelas cenas bem grotescas de filme de terror trash. Ela vomita até o próprio coração, daí ela morre, mas não morre porque vira uma zumbi! Mas ela não é como aqueles zumbis que a gente tá acostumados a ver: “eu quero cérebro”, é mais como uma transformação em vampiro, já que ela passa a se sentir melhor, mais bonita, mais forte, mais bem disposta, só que não consegue comer nada, tudo que ela come, ela vomita. A família se desespera, ninguém quer ver ela morrer de fome, eles tentam de tudo que imaginam para ajudar, mas nada resolve, até a inevitável descoberta que a única coisa capaz de matar a sua fome, como boa zumbi, é carne humana.



Qual o papel da família numa hora dessas? Denunciar? Matar? Proteger? Em meio a muito humor negro e piadas ácidas, essa é uma das questões implícitas no roteiro. A família de Sheila se recusa a abandoná-la e vai mudar toda a sua vida para ajudar, ao mesmo tempo que são afetados por toda essa loucura. Joel quer ajudar a mulher indo atrás de um cura, pois ele acha que é uma doença, e tenta ao mesmo tempo manter seu relacionamento e a vida familiar o mais parecidos possível com o que era antes. Já Abby, se apaixona pela nova mãe cheia de energia e empolgação, e de uma menina toda certinha passa a se arriscar por novos "rumos", o que inclui o filho dos vizinhos, Eric (Skyler Gisondo).

Mas aí é que está o problema, como seguir em frente se Sheila precisa de carne humana para sobreviver?? E não é qualquer carne humana, Sheila faz questão de que seja alguém gostoso!!! Desculpem, é mórbido, mas eu ri muito nessa cena!!! Eu não sou fã de séries de zumbis, não sou chegada a cenas nojentas, e Santa Clarita Diet não economiza nada nisso, usa e abusa de cenas bem asquerosas, para chocar mesmo os mais delicadinhos como eu. Mas não deixa de ser inteligente e engraçada. Inclusive, traz algumas coisas sobre o que pensar. Como pessoas “normais”, eles não são assassinos psicopatas, existe toda uma culpa por matar, e uma busca por justificativas, já que em nenhum momento o casal vai achar certo matar, mas mesmo assim na hora da fome, eles sempre arrumam uma justificativa.



São 10 episódios de 30 min!! Não é para todo mundo, o público para essa série não é qualquer um. Mas se você não liga para cenas nojentas e nem para ouvir muitos palavrões, e quer uma humor diferente, arrisque-se!!!


Beijos e até semana que vem!
Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

Querido leitor,

Seus comentários deixam o nosso cantinho ainda mais especial. Agradecemos muito a sua participação! Até o próximo post! ;)

Equipe do Citação
ConversãoConversão EmoticonEmoticon

Obrigado pelo seu comentário